Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

DE AMOR E TREVAS

Filme do dia, Slider, Streaming

A atriz Natalie Portman nasceu em Jerusalém e se mudou para Nova York ainda muito jovem. A estreia no cinema ocorreu quando ela tinha 12 anos dirigida por Luc Besson no policial O Profissional. Desde então ela não parou de atuar, mas encontrou um tempo para dirigir também. Primeiro em dois curtas realizados em 2008. E, sete anos depois, no seu longa de estreia, De Amor e Trevas, que ela escreveu o roteiro, a partir do livro autobiográfico de Amos Oz. A ação se passa nos anos 1940 e acompanhamos a família de garoto Amos (Amir Tessler), seu pai Arieh (Gilad Kahana) e sua mãe Fania (Portman). Como o próprio título no original já antecipa, trata-se de “um conto de amor e escuridão”. A cineasta, à frente do roteiro, da direção e do papel feminino principal, nos leva por uma trilha de memórias carregadas de dor, mas, ao menos tempo, cheias de esperança e ternura. Sem esquecer a turbulência social e política da época mostrada. Não se trata de uma obra convencional. A começar pelo idioma utilizado pelos atores, o hebreu. Apesar da pressão dos produtores que queriam que o filme fosse falado em inglês. Portman não tem pressa em contar sua história. E o faz do seu jeito, bastante pessoal e sem seguir regras narrativas consolidadas.

DE AMOR E TREVAS (A Tale of Love and Darkness – EUA 2015). Direção: Natalie Portman. Elenco: Natalie Portman, Gilad Kahana, Amir Tessler, Ohad Knoller, Makram Khoury, Neta Riskin e Alexander Peleg. Duração: 95 minutos. Distribuição: Amazon Prime.

Last modified: 13 de maio de 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *