Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

ÓRFÃOS DA TEMPESTADE

Filme do dia, Slider

Frank Capra era um cineasta humanista por excelência. Sua crença no homem comum capaz de mudar o mundo ao seu redor esteve presente em muitos de seus filmes. Ele, que depois da falência de sua produtora por conta do fracasso nas bilheterias de sua obra mais conhecida, A Felicidade Não Se Compra, de 1946, voltou quase à estaca zero. A partir daí, como diretor contratado da Paramount, realizou poucos trabalhos. Este Órfãos da Tempestade, de 1951, é tido como uma obra menor do cineasta. No entanto, um olhar mais cuidadoso revela características que marcaram a filmografia de Capra. O roteiro, escrito por Virginia Van Upp, Liam O’Brien e Myles Connolly, tem por base uma história de Robert Riskin e nos apresenta Peter Garvey (Bing Crosby), um correspondente estrangeiro que dirige uma agência de adoção de órfãos de guerra. Ele próprio adotou dois deles. O drama surge quando Emmadel Jones (Jane Wyman), sua ex-noiva, anuncia que se casará. Peter então se dá conta que precisa reconquistar Emmadel rapidamente ou perderá a guarda das crianças. Órfãos da Tempestade é um filme que, apesar de ter um certo toque capriano que ele imprimiu nos filmes que dirigiu ao longo da década de 1930, funciona mais como um veículo para seu astro, Bing Crosby, bastante popular na época. Inclusive com direito a uma canção, In the Cool, Cool, Cool of the Evening, composta por Hoagy Carmichael e Johnny Mercer, que é cantada pelo ator e ganhou o Oscar da categoria.

ÓRFÃOS DA TEMPESTADE (Here Comes the Groom – EUA 1951). Direção: Frank Capra. Elenco: Bing Crosby, Jane Wyman, Franchot Tone, Alexis Smith, James Barton, Robert Keith, Connie Gilchrist e Walter Catlett. Duração: 113 minutos. Distribuição: Paramount.

Last modified: 29 de outubro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *