PODRES DE RICO

O diretor Jon M. Chu nasceu na Califórnia, filho de pais chineses, e se formou em Cinema pela Universidade da Califórnia do Sul, onde seu curta-metragem de graduação chamou a atenção de Steven Spielberg. Ao longo de quase 20 anos de carreira, Chu passeou por diversos gêneros em diferentes mídias. A comédia romântica Podres de Rico é seu trabalho mais recente. Esta modesta (para os padrões americanos) produção de 30 milhões de dólares faturou quase 240 milhões nas bilheterias e conta com leveza e bom humor uma história muito conhecida: o do choque entre realidades sociais bem distintas. O roteiro de Peter Chiarelli e Adele Lim tem por base o romance escrito por Kevin Kwan e é a primeira parte de uma trilogia. A segunda parte já está em pré-produção. A ação começa em Nova York e rapidamente se transfere para Singapura. Rachel Chu (Constance Wu) leciona Economia em uma universidade. Ela namora Nick Young (Henry Golding), que a convida para ir com ele ao casamento de seu melhor amigo. O detalhe interessante aqui é que Nick não mencionou que é o herdeiro de uma gigantesca fortuna e muito menos que sua família, em especial, sua mãe (Michelle Yeoh) é extremamente arraigada às tradições milenares de seu país natal, a China. O grande diferencial de Podres de Rico já se revela no título nacional e no prólogo do filme que, em poucos minutos deixa bem claro o poder da família Young. A partir daí, esse poder fica cada vez mais evidente. Porém, o poder maior vem de outros fatores que durante muito tempo foram relegados a um segundo plano: pode um filme protagonizado por mulheres representantes de uma minoria (pelo menos, no cinema), contar uma boa trama e fazer sucesso? Jon  M. Chu provou que sim.

PODRES DE RICO (Crazy Rich Asians – EUA 2018). Direção: Jon M. Chu. Elenco: Constance Wu, Henry Golding, Michelle Yeoh, Gemma Chan, Lisa Lu, Awkwafina, Harry Shum Jr., Sonoya Mizuno, Chris Pang e Ken Jeong. Duração: 120 minutos. Distribuição: Warner.

Last modified: 6 de fevereiro de 2019

Deixe uma resposta Decision and Game Theory for Security: First International Conference, GameSec 2010, Berlin, Germany, November 22-23, 2010. Proceedings

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Die Schule der Spielleute (Historischer Roman)