Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

GIGI

Em 1958, o gênero musical estava perdendo o fôlego em Hollywood. Com suas histórias, na maioria, bem inocentes e distantes da realidade, já não atraiam mais a atenção do grande público. Gigi, dirigido por Vincente Minnelli, foi talvez o último grande musical clássico antes das mudanças que surgiriam na década seguinte. Minnelli repete a parceira com Alan Jay Lerner (canções e roteiro) e com a atriz Leslie Caron. Os três haviam trabalhado juntos sete anos antes, ao lado de Gene Kelly, em Sinfonia de Paris. A história é baseada no romance de Colette e apresenta a garota do título, vivida por Caron. Ela é uma jovem alegre e irrequieta, filha de uma família muito rica e que precisa receber aulas de sua tia Alicia (Isabel Jeans) sobre etiqueta e bom comportamento. Afinal, seus pais querem que ela se torne uma dama da aristocracia. Seu amigo Gaston (Louis Jordan), tão rico quanto ela e com uma fila de mulheres que querem tirá-lo da solteirice, descobre sentir algo mais forte que amizade por Gigi. O filme caiu no gosto do público e ganhou o Oscar em nove categorias: trilha sonora, canção, direção de arte, figurino, montagem, fotografia, roteiro adaptado, diretor e filme. O que deixou os executivos da MGM bastantes felizes. Tanto que, diz a lenda, após o anúncio da vitória, se alguém telefonasse para o estúdio era atendido com um sorridente “olá, você ligou para a M-Gigi-M”.

GIGI (EUA 1958). Direção: Vincente Minnelli. Elenco: Leslie Caron, Maurice Chevalier, Louis Jourdan, Eva Gabor, Isabel Jeans, John Abbott e Corinne Marchand. Duração: 115 minutos. Distribuição: Warner.

Last modified: 12 de novembro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *