Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

HOSPITAL

Filme do dia, Slider

032.Hospital

O roteirista Paddy Chayefsky, ao longo de 35 anos de carreira, escreveu quase 40 roteiros para cinema, televisão e teatro. Especificamente para cinema foram seis e a metade deles lhe rendeu o Oscar de roteiro original: Marty, em 1956; Rede de Intrigas, em 1977; e este Hospital, em 1972. Dirigido por Arthur Hiller, que vinha do grande sucesso de Love Story, o filme é uma comédia de humor negro e conta a história de Herbert Bock (George C. Scott), um médico que enfrenta uma dupla sobrecarga, tanto pessoal como profissional. Ele busca um novo sentido para a vida ao mesmo tempo que precisa lidar com um assassino que ronda seu local de trabalho. Além do roteiro, um ponto que se destaca aqui é a escalação do elenco, que ficou sob a responsabilidade final de Chayefsky, um dos produtores do filme. Hiller gritou “ação”, deixou o espetáculo seguir e o talento dos atores e atrizes fazer a mágica. A acidez inteligente de Hospital fez história e serviu de modelo para muitos outros filmes de abordagem similar que vieram depois. Inclusive o próprio Rede de Intrigas. Duas curiosidades: Paddy Chayefsky é o narrador do início do filme; e George C. Scott recebeu uma indicação ao Oscar de melhor ator, apesar de ter ganho o prêmio e recusado no ano anterior por seu desempenho em Patton: Rebelde ou Herói?.

HOSPITAL (The Hospital – EUA 1971). Direção: Arthur Hiller. Elenco: George C. Scott, Katherine Helmond, Roberts Blossom, Christopher Guest, Diana Rigg, Barnard Hughes, Richard A. Dysart e Stephen Elliott. Duração: 104 minutos. Distribuição: United Artists.

Last modified: 30 de setembro de 2018

Deixe uma resposta