Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

O PREDADOR (2018)

Na Telona, Slider

Com a estreia da versão 2018 de O Predador, esta semana nos cinemas, chegamos ao sexto filme da franquia iniciada em 1987. O mais interessante aqui é a maneira como a cronologia é amarrada unindo elementos do filme original, escrito por Jim e John Thomas e dirigido por John McTiernan, com a continuação de 1990, Predador 2, de Stephen Hopkins, e a tentativa de revitalização feita em 2010, Predadores, de Nimród Antal. Os dois confrontos com o Alien ficaram de fora.

À frente da direção temos agora Shane Black, que também é autor do roteiro, junto com Fred Dekker. A relação de Black com a franquia é antiga. No filme original ele trabalhou como ator. Fez o papel de Hawkins, o primeiro soldado que morre no grupo de Dutch, vivido por Arnold Schwarzenegger.

O Predador 1

Quem assistiu aos filmes anteriores da franquia vai se sentir em casa. Como eu já disse, a mitologia criada no filme de 1987 e continuada nos dois filmes posteriores é preservada e respeitada aqui. Inicialmente, a Fox queria um reboot. No entanto, Shane Black optou por uma continuação. E, na esteira do sucesso de filmes como Deadpool e Logan, o diretor abusa da violência e dos palavrões, o que deu à obra classificação etária R (restrito) nos Estados Unidos e 16 anos no Brasil.

A ação acontece nos dias de hoje. Quinn McKenna (Boyd Holbrook) é um atirador de elite que presencia a queda de uma nave extraterrestre. Isso o coloca em choque com uma equipe do governo, liderada por Traeger (Sterling K. Brown), que acompanha as visitas alienígenas há três décadas. No meio dessa disputa um conflito se desenrola entre a raça de predadores e tudo junto acaba por envolver McKenna, seu filho autista Rory (Jacob Tremblay), a bióloga Casey (Olivia Munn) e os lunáticos, um grupo de ex-soldados.

O Predador 2

Shane Black iniciou sua carreira como ator, mas, se destacou como roteirista ao misturar em boas doses, violência e humor. É dele o roteiro de Máquina Mortífera. O sucesso do filme dirigido por Richard Donner acabou afastando Black cada vez mais da atuação e o firmando na escrita. Algum tempo depois ele se viu também como diretor. Foram quatro longas até o momento, entre eles, Homem de Ferro 3, que ele escreveu e dirigiu para a Marvel/Disney e faturou 1,2 bilhão de dólares nas bilheterias mundiais.

Este novo O Predador começa bem e oferece uma premissa interessante. Porém, perde um pouco de sua força ao atropelar situações. Principalmente, no terço final. Além disso, apresenta mudanças de posturas em uma certa personagem sem maiores explicações. As cenas de ações funcionam e o filme ainda abre caminho para novas continuações. Se você é fã da franquia, com certeza vai curtir os desdobramentos apresentados aqui.

O PREDADOR (The Predator – EUA 2018). Direção: Shane Black. Elenco: Boyd Holbrook, Sterling K. Brown, Keegan-Michael Key, Olivia Munn, Yvonne Strahovski, Trevante Rhodes, Jacob Tremblay, Thomas Jane, Jake Busey e Alfie Allen. Duração: 107 minutos. Distribuição: Fox.

Last modified: 15 de setembro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *