Please select featured categories (for ticker) in theme admin panel. You can select as much categories as you want.

TOURO INDOMÁVEL

Filme do dia

220-Touro-Indom-C3-A1vel

E pensar que Martin Scorsese não queria dirigir Touro Indomável. Devemos agradecer a Robert De Niro, que após ler a autobiografia de Jake LaMotta durante as filmagens de O Poderoso Chefão – Parte II, viu que a história daria um filme. A partir daí, foram necessários quatro anos para convencer Scorsese a assumir a direção do projeto. De Niro queria repetir a trinca criativa de Taxi Driver, a partir do roteiro adaptado por Paul Schrader, depois finalizado por Mardik Martin, baseado no livro escrito por LaMotta. Touro Indomável é mais que um filme de boxe. A citação bíblica que aparece no final, “tudo que sei é que eu era cego e agora posso ver”, resume bem a dramática vida de Jake LaMotta (De Niro). Dono de uma personalidade complicada, para usarmos aqui um termo suave, o boxeador era literalmente uma espécie de “bateria” que acumulava energia e a descarregava no ringue e também, ou principalmente, fora dele. Extremamente paranoico e ciumento, o tripé que se estabelece entre Jake, sua esposa Vickie (Cathy Moriarty) e seu irmão Joey (Joe Pesci) é responsável pela forte carga emocional que move a trama. Falar da interpretação de Robert De Niro vai além do óbvio (o ator engordou 30 quilos para mostrar a fase decadente do boxeador). De Niro nos entrega uma personagem complexa, perturbada, instável, violenta e carismática. Seu desempenho é cheio de nuances e sutilezas que só conseguimos perceber após repetidas “visitas” ao filme. E o que dizer da direção de Scorsese? Simplesmente algo próximo ao sublime. Esnobado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, Touro Indomável recebeu oito indicações ao Oscar e ganhou apenas duas: melhor ator (para De Niro) e melhor montagem (para Thelma Shoonmaker, em seu primeiro trabalho para Scorsese). Simplesmente obrigatório.  
TOURO INDOMÁVEL (Raging Bull – EUA 1980). Direção: Martin Scorsese. Elenco: Robert De Niro, Joe Pesci, Cathy Moriarty, Frank Adonis, Frank Topham, Frank Vincent, Johnny Barnes, Mario Gallo, Nicholas Colasanto e Theresa Saldana. Duração: 129 minutos. Distribuição: Fox.

Last modified: 30 de abril de 2015

4 respostas para “TOURO INDOMÁVEL”

  1. FILMAÇO! E o Marden tem razão: “simplesmente obrigatório”.

  2. Este é um dos dois filmes que realmente gosto do Scorsese. Uma obra de arte.

  3. bruno knott disse:

    um dos melhores do Scorsese!

    tem muita gente dizendo que o filme Heleno guarda semelhanças com Touro Indomável… se for verdade (ainda não assisti) significa que o cinema nacional está cada vez mais evoluído.

  4. Vanessa disse:

    Um filme com uma maravilhosa história. Sempre achei o seu trabalho excepcional, sempre demonstrou por que é considerado um grande ator, desfrutei do seu talento em no filme Mãos de Pedra, umo dos melhores filmes do Robert de Niro faz uma grande química com todo o elenco, vai além dos seus limites e se entrego ao personagem.

Deixe uma resposta